Nossa Estratégia

Nossa Estratégia

O crescimento da Blau Farmacêutica passa pelas seguintes frentes a serem exploradas na cadeia de valor da saúde:

Aumento da capacidade produtiva e desenvolvimento de um parque fabril automatizado de injetáveis de alta complexidade do Brasil

Investimos e pretendemos continuar a investir na otimização e aumento da capacidade produtiva com equipamentos modernos, de alta tecnologia e capacidade produtiva, adotando medidas para aumentar a eficiência operacional, reajustando as áreas de embalagens e realocando determinadas linhas de produção para outras áreas produtivas, dentre outras iniciativas.

Para tanto, a Companhia planeja investir R$700 milhões dos recursos decorrentes da sua Oferta Pública Inicial de Ações na sua nova planta na região nordeste do Brasil, na cidade de Recife, estado de Pernambuco. Esta nova planta, conhecida como P1000, será a nova plataforma de tecnologia, que contará com 20 novas linhas de produção, sendo 20 linhas adicionais e 16 linhas que poderão ser transferidas para a planta P1000.

Verticalização da Cadeia Produtiva

Estar na vanguarda da biotecnologia e ser a indústria mais inovadora e digital, focado na verticalização de insumos. 

Recentemente concluímos, dentro do complexo industrial em Cotia, a construção de uma fábrica com duas linhas de alta capacidade produtiva de insumos farmacêuticos ativos (IFA) biotecnológicos, completamente independentes, seguindo as diretrizes estabelecidas em regulamentos da União Europeia (EMA) e Estados Unidos (FDA).

A ação visa o processo de verticalização, bem como a mitigação dos riscos de um possível desabastecimento de insumos estratégicos e, ao mesmo tempo, amplia a abrangência geográfica e a rentabilidade do nosso negócio.

A unidade fabril recentemente recebeu qualificação de Boas Práticas de Fabricação (BPF) pela ANVISA. Esta fábrica será a plataforma industrial biotecnológica da Companhia e fornecerá os insumos produtivos dos biossimilares necessários para a produção dos medicamentos da mesma. Tais insumos já se submetem a estudos clínicos de comparabilidade em humanos, realizados por institutos de pesquisa europeus.

A Companhia espera que sua independência para a obtenção desses insumos assegure o lançamento de seus medicamentos globalmente, posicionando-a como um player relevante deste segmento.

Isso nos trará diversos benefícios, tais como:

  • Independência na produção de produtos estratégicos;
  • Capacidade de vender IFA para terceiros;
  • Capacidade de exportar, com alta competitividade, produtos acabados para terceiros;
  • Aumento de rentabilidade;
  • Redução de exposição ao câmbio.
Novos Negócios: PD&I e BD

Portfólio de alta complexidade e relevante para o mercado institucional com investimento contínuo em PD&I. 

Os nossos investimentos em PD&I continuam crescendo. Com o novo centro de PD&I inaugurado este ano, temos a capacidade de trabalhar com 60 projetos em diferentes etapas do pipeline, nas mais diversas classes terapêuticas. 

Pretendemos incrementar, ainda mais, os investimentos em PD&I visando o aumento de pipeline e a expansão também para novas áreas terapêuticas, com foco em produtos de alto valor agregado, de forma a expandir ainda mais nosso atual portfólio que conta com preço médio equivalente a R$153,00 por dose. Para isso, possuímos parcerias com universidades e grupos científicos para o desenvolvimento de medicamentos biotecnológicos, biológicos e sintéticos de alto valor agregado, incluindo medicamentos oncológicos. 

Em março de 2021, o nosso pipeline de PD&I era composto de 114 produtos, capazes de atingir, se vierem a ser comercializados, um mercado estimado em aproximadamente R$7,3 bilhões em volume de vendas (conforme dados da IQVIA referentes ao volume de vendas total desses produtos no período de 12 meses encerrado em 31 de março de 2021), incluindo 42 produtos (ou 67 apresentações) já em desenvolvimento, sendo que destes são 19 produtos de especialidades, 18 produtos oncológicos e 5 produtos biológicos (ou 28 apresentações de especialidades, 31 apresentações oncológicas e 8 apresentações biológicas), com um mercado estimado em aproximadamente R$2,8 bilhões em volume de vendas (conforme dados da IQVIA referentes ao volume de vendas total desses produtos no período de 12 meses encerrado em 31 de março de 2021); e 72 produtos (ou 125 apresentações) em fase inicial e/ou prospecção, que representam um mercado estimado em aproximadamente R$4,6 bilhões em volume de vendas (conforme dados da IQVIA referentes ao volume de vendas total desses produtos no período de 12 meses encerrado em 31 de março de 2021). 

Do total do nosso pipeline de PD&I, aproximadamente 28% dos produtos tem a possibilidade de serem os primeiros produtos similares e/ou genéricos no mercado. Adicionalmente, nossos projetos de business development (licenciamento de produtos) em negociação têm um mercado estimado em aproximadamente R$5,3 bilhões em volume de vendas (conforme dados da IQVIA referentes ao volume de vendas total desses produtos no período de 12 meses encerrado em 31 de março de 2021). Desta forma, nosso mercado total, considerando produtos no nosso portfólio atual, produtos do nosso pipeline de PD&I e aqueles que compõem nossos projetos de business development somaria R$17,3 bilhões em volume de vendas (dados da IQVIA referentes ao volume de vendas total desses produtos no período de 12 meses encerrado em 31 de março de 2021). 

Ainda, alinhado com a nossa estratégia de foco em PD&I e otimização da nossa capacidade de desenvolvimento, durante o ano de 2020, obtivemos o registro de onze novos produtos e da nossa planta de insumos biotecnológicos perante a ANVISA, além do registro de 24 novos medicamentos na América Latina, expandindo ainda mais nosso portfólio.

Acreditamos que há potencial de crescimento a ser capturado no mercado de medicamentos de alta complexidade e continuarmos com foco na expansão do portfólio, especialmente em produtos que sejam complementares ao portfólio atual.

M&A e Internacionalização

Alavancar o portfólio do Brasil para toda a América Latina e expansão do portfólio com um todo. 

Pretendemos aumentar a expansão geográfica por meio das nossas subsidiárias, com a ampliação de novos registros na América Latina. 

Nos últimos cinco anos, dobramos a quantidade de produtos registradas nos outros países da América Latina (Uruguai, Chile, Peru, Equador, Colômbia e Costa Rica), com um total de 181 produtos com registros ativos até dezembro de 2020. 

Também trabalhamos com a ampliação do portfólio por meio de parcerias estratégicas. A nossa estratégia é baseada em contratos de parcerias de produtos do segmento institucional, com transferências de tecnologia e produção local, tanto de insumos como dos medicamentos. 

Temos diversas vantagens que nos ajudam a capturar esse tipo de parceria:

  • Liderança no segmento e amplo portfólio atual, com conhecimento da indústria e da região;
  • Profundo conhecimento técnico na área de assuntos regulatórios, especialmente no Brasil
  • Capacidade única de produção de biológicos – insumos e medicamentos
  • Expertise em produção de produtos complexos, difíceis de replicar 
  • Footprint regional, oferecendo capilaridade em quase toda a América Latina. 

Consolidação do mercado institucional com aquisições estratégicas que suportem a perpetuidade da Companhia. 

Monitoramos ativamente todas as oportunidades de mercado para ampliação de portfólio e/ou presença geográfica via aquisições selecionadas de empresas com produtos e marcas de forte reconhecimento e presença de mercado. 

A aquisição de ativos estratégicos – produtos, tecnologias e/ou capacidade produtiva – nos ajuda a acelerar ainda mais o nosso crescimento. 

Essa ampliação de portfólio pode ocorrer mediante aquisições de empresas ou ativos selecionados que apresentem sinergia com o atual portfólio da Companhia, agregando ganhos de escala ao seu modelo de negócios.

Também faz parte da estratégia avaliar potenciais oportunidades de ativos que ampliem as possibilidades de verticalização de suas atividades industriais.

Em 2020, adquirimos 100% da Pharma Limirio (atualmente Blau Farmacêutica Goiás Ltda.), empresa com foco na produção de produtos de especialidades. A aquisição nos permite ampliar a capacidade produtiva nesse segmento bem como acelerar a produção de novos registros concedidos pela ANVISA.

Em 2020, fizemos uma JV (joint-venture) nos Estados Unidos com a Hemarus Plasma, que possui ampla experiência no setor de coleta de plasma. Temos 51% da empresa, com opção de compra da operação completa no futuro. O objetivo desta JV é garantir a independência de coleta de plasma e assim avançar com a estratégia de verticalização de insumos.